Arquivos Perdidos

O blog pessoal do Pedro Gabriel sobre RPG

Curtas: algumas considerações sobre dano personalizado

Nas antigas edições do Defensores de Tóquio, e mesmo nas primeiras edições especiais de 3D&T, não haviam diferentes tipos de dano, nem regras para lidar com fraquezas e resistências a dano específico — tais regras, assim como a Vantagem Armadura Extra e a desvantagem Vulnerabilidade, somente foram surgir na edição especial Mega Man. Desde então, a despeito de algumas inclusões e alterações em sua mecânica (a inclusão da Invulnerabilidade, as mudanças de mecânica nas versões Turbo e Alpha, a redução da quantidade de tipos de dano para um padrão próximo do D&D), a essência é a mesma.

Enquanto o Manual 3D&T Alpha apresenta apenas oito tipos de dano, três físicos (esmagamento, corte, perfuração) e cinco energéticos (fogo, frio, eletricidade, químico, sônico), o netbook Mega Man 3D&T Alpha do Shi Dark resgata todos os tipos de dano excluídos (luz/laser, explosão, vento, água, ácido, veneno — os três últimos como desdobramentos de químico, e portanto substituindo-os).

A sugestão que apresento, aliás inspirada em Mega Man, é personalizar ainda mais o dano: em vez de um descritor genérico, podemos dizer que um personagem é mais vulnerável ou resistente a um tipo muito específico de dano — muito provavelmente uma arma própria. Por exemplo, Freeze Man, de Mega Man 7 (SNES), é vulnerável ao Junk Shield, uma das armas de Junk Man (do mesmo game). Logo, basta considerar em sua ficha a Vulnerabilidade ao Junk Shield, em vez da Vulnerabilidade: Esmagamento lá apresentada.

Mega Man usando Junk Shield para enfrentar Freeze Man. Mega Man 7 (SNES), Capcom.

Como, obviamente, é mais raro que um personagem utilize tipos específicos de dano, considere os custos das Vantagens Armadura Extra e Invulnerabilidade, e o ganho da Desvantagem Vulnerabilidade, como 1 ponto mais baixos para danos específicos (e vale lembrar que, no netbook citado, tais Vantagens e Desvantagem voltaram a possuir custo em pontos).

Anúncios

20/04/2010 - Posted by | 3D&T, 3D&T Alpha, Curtas, RPG | , , , ,

1 Comentário »

  1. […] This post was mentioned on Twitter by Pedro Gabriel Sena. Pedro Gabriel Sena said: Curtas: algumas considerações sobre dano personalizado: Nas antigas edições do Defensores de Tóquio, e mesmo nas p… http://bit.ly/cz0r2L […]

    Pingback por Tweets that mention Curtas: algumas considerações sobre dano personalizado « Arquivos Perdidos -- Topsy.com | 20/04/2010 | Responder


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: