Arquivos Perdidos

O blog pessoal do Pedro Gabriel sobre RPG

Iniciativa 3D&T #1 — Música (Parte 1 de 2)

Originalmente publicado aqui.

Estou trazendo à nova casa os artigos da Iniciativa 3D&T que foram publicados no antigo blog. Como farei isso na ordem dos temas, o primeiro que trago para vocês é justamente aquele que foi meu primeiro artigo para a Iniciativa. Sob o tema Música, apresento a vocês o Maestro da Realidade, um kit de personagem para a versão Alpha do sistema.

O Maestro da Realidade (kit para 3D&T Alpha)

“Nunca, jamais, mencione a ele a Execução de Thazarov, ou você vai morrer como aconteceu comigo.”

— fantasma de Belothus Gnezovski, ex-maestro da Real Orquestra, sobre Kratekov Satkevenski, maestro da realidade.

  • Gênero: Fantasia Medieval (mas facilmente adaptado para outros).
  • Exigências: pelo menos alguma Vantagem Mágica, H1, Música (de Artes), Insano (qualquer tipo), Fetiche (batuta).
  • Papéis de Combate: Dominante ou Atacante.

Conceito:

Pense num maestro, aquele sujeito que rege uma orquestra. Mas não um maestro qualquer — um verdadeiro virtuoso, capaz de transformar a exibição de uma peça fraca, executada por uma orquestra inexperiente, em um verdadeiro espetáculo.

Agora, conceda a ele um dom sobrenatural ou mesmo mágico — o dom de reger a própria realidade, criando efeitos impressionantes ou mesmo assombrosos no processo, dignos de um verdadeiro mago. Porém, uma vez que ele não teve treinamento místico para suportar as vicissitudes da magia, termina por enlouquecer à medida em que seu dom o traz cada vez mais perto do verdadeiro caos da realidade… e do que está além dela.

Temos, agora, um Maestro da Realidade.

É comum que um Maestro da Realidade viva às margens da sociedade, isolado para compreender e ser compreendido pelos outros. Trancados em seus estúdios, refugiando-se em construções abandonadas ou se metendo em qualquer buraco que aparece, eles vivem apenas para encontrar a execução perfeita, ou peças melhores do que as que ele domina enquanto isso não ocorre. Tais buscas os levam a explorar masmorras e ruínas, por vezes unindo-se a outros aventureiros no processo — mesmo que seja apenas para encontrar o que procuram. Mas aqueles que conseguirem aceitar um Maestro da Realidade e sua mente perturbada, certamente encontrarão um aliado, ou mesmo um amigo, para toda a vida (espera-se…).

Curiosidades sobre os Maestros da Realidade: assim como os magos gesticulam e sussurram palavras mágicas, e os bardos cantam ou tocam seus instrumentos, os Maestros da Realidade usam suas batutas para reger a realidade, como se ela realmente fosse uma orquestra à frente dele; e, assim como os magos procuram grimórios e pergaminhos para aprender novas magias, e os bardos fazem o mesmo aprendendo novas canções, os Maestros da Realidade buscam partituras desconhecidas para eles, com peças novas e surpreendentes, de onde ele pode reger a realidade de outras formas. Um efeito colateral interessante, é que sempre que o Maestro da Realidade brande sua batuta, músicas soam ao redor e perto dele, como se realmente houvesse uma orquestra ali por perto, executando um concerto ou sinfonia!

Poderes:

A habilidade mais impressionante do Maestro da Realidade é… a sua capacidade de reger a realidade! (Dãh…) Em termos de regras, isso quer dizer que ele pode, em certas condições (ver mais adiante) substituir testes de Perícias baseados em Habilidade por testes de Música, mas uma categoria de dificuldade acima — isto é, testes Fáceis de Perícias são substituídos por testes Normais de Música, e testes Normais de Perícias são substituídos por testes Difíceis de Música. Entretanto, ele deve estar relaxado e concentrado para isso, não podendo portanto estar em situações de combate ou tensão.

No momento em que adquire o Kit, o Maestro da Realidade pode escolher gratuitamente um dos seguintes poderes abaixo. Ele pode escolher mais de uma vez, mas pagando 1 ponto para cada poder extra além do primeiro.

Magia Orquestrada e Bem-Acabada. Toda vez que o Maestro da Realidade reger a realidade de uma forma sublime — isto é, quando lançar uma magia –, ele pode fazer um teste de Música, com dificuldade de acordo com a calma e a concentração do mesmo (a critério do Mestre). Se tiver sucesso, ele paga apenas a metade dos PMs do custo da magia, arredondado para cima. Este poder pode ser utilizado em combate (mas lembre-se, Mestre, que o combate é um ambiente muito tenso…).

Regência dos Elementos da Natureza. Com um teste bem-sucedido de Música (cuja dificuldade leva em conta os mesmos critérios do item anterior), o Maestro da Realidade pode lançar as forças da Natureza — torrentes de lava (fogo), nevascas (frio), raios (eletricidade), trovões (sônico), fortes chuvas (químico), etc. — contra seus oponentes. Em regras, o Maestro da Realidade realiza um único ataque cuja FA é baseada em Poder de Fogo, mas ele pode pagar PMs para melhorá-lo; conte 1 PM para cada ponto acrescentado ao PdF para esse ataque (máximo de +5 ao PdF), adicione 1 PM para cada inimigo adicional além do primeiro que deve ser atingido, e some as duas quantidades. Ele pode usar esse poder uma única vez por combate ou encontro.

Exemplo: Kratekov Satkevenski deseja atingir três inimigos com raios (ele adora os sons rascantes que eles provocam), e decide acrescentar 3 pontos a seu Poder de Fogo nesse ataque. Com sucesso em seu teste de Música, ele gasta 5 PMs em sua impressionante performance (2 inimigos além do primeiro + 3 pontos de acréscimo em seu PdF). Nuvens cinzentas escurecem o céu à medida em que o maestro da realidade movimenta vigorosamente sua batuta — e raios elétricos fritam seus oponentes.

A Realidade é apenas mais uma Orquestra. Com este poder, um Maestro da Realidade pode substituir qualquer teste de Perícias por um teste de Música, sem elevar a dificuldade do mesmo em uma categoria; além disso, pode fazê-lo também em situações de combate e tensão, mas da maneira normal — ou seja, nestes casos, testes Fáceis de Perícias são substituídos por testes Normais de Música, e testes Normais de Perícias são substituídos por testes Difíceis de Música.

Anúncios

02/03/2010 - Posted by | 3D&T, 3D&T Alpha, Iniciativa 3D&T, RPG | , , , , , ,

1 Comentário »

  1. […] Falkenstein. Certamente vocês já viram, mais cedo, a resenha do mesmo; e, na semana passada, a primeira e a segunda parte dos artigos sobre o Maestro da Realidade, para a Iniciativa 3D&T. Pois bem, […]

    Pingback por O Maestro da Realidade para Castelo Falkenstein « Arquivos Perdidos | 08/03/2010 | Responder


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: